...

A família e a Bíblia

Igreja Viva | publicado há 1 mês

Já pensou o quão mais fácil seria a vida familiar, se tivéssemos à nossa disposição um manual que nos ensinasse a desenvolver um convívio saudável e abençoado, com nosso cônjuge, filhos e pais? Sem dúvida, as turbulências do cotidiano seriam diminuídas, as diferenças seriam compreendidas, as pressões de uma sociedade sem valores morais e éticos seriam melhor administradas, e a empatia e o cuidado transbordariam em nossos lares.
E se eu te contar que esse manual existe. Por crermos que: “toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção e para a instrução na justiça” (2 Tm 3. 16), e confiarmos na veracidade da Bíblia, podemos nos apropriar dos princípios nela contidos, e ao aplicá-los em nossos relacionamentos, experimentar do amor de Deus em nossas famílias.
Em Efésios 5. 22 – 28, encontramos orientações acerca dos deveres conjugais, e vemos ordens claras para maridos e esposas, que os conduz a viverem o casamento de maneira abençoada e abençoadora. Estas orientações, torna homens e mulheres sabedores de seus papéis, e de sua reponsabilidade, para que o matrimônio seja uma expressão de sua fé e compromisso com Deus.
Já em Efésios 6. 1 – 3, vemos que a obediência é o alicerce para que um bom relacionamento entre filhos e pais seja construído. Por outro lado, no verso 4 do mesmo capítulo de Efésios, vemos que a criação dos filhos segundo a instrução e o conselho do Senhor, são a base para viver a paternidade e a maternidade de maneira sábia.
Mas o mais interessante é que ao vivermos os relacionamentos familiares da maneira que a Palavra de Deus nos ensina, transmitimos valores que perpassam gerações, e afetam diretamente nossa descendência, fazendo com que estes, também experimentem das bênçãos de Deus.
Um exemplo desta situação é encontrado em 2 Timóteo 1. 5, quando vemos o apóstolo Paulo escrever da seguinte maneira à Timóteo, seu filho na fé: “Recordo-me da sua fé não fingida, que primeiro habitou em sua avó Loide e em sua mãe, Eunice, e estou convencido de que também habita em você.”
Desta maneira percebemos que famílias que tem a Palavra de Deus como bússola que aponta o caminho a seguir, e os princípios nela contidos como alicerce que sustenta a maneira de se relacionar, provam da bênção de relacionamentos saudáveis e o transbordar do amor de Deus para as próximas gerações.
Pr. Eduardo Arantes

VIDA IBB

...
Igreja Missional | publicado há 4 dias
Igreja Missional
...
Igreja Viva | publicado há 1 semana
Homenagem Pr. Avelino Ferreira

ver todas